Licenciado em Arquitectura Paisagista pela Universidade Técnica de Lisboa, Instituto Superior de Agronomia, 2003.

 

Inicia a sua actividade profissional em 2002 no atelier ACB Arquitectura Paisagista, tendo participado em projectos de jardins privados, de intervenção na paisagem rural (nomeadamente na Herdade da Comporta e no Parque Alqueva) e de restauro de jardins históricos (dos quais se destacam os premiados Jardins da Quinta das Lágrimas, Coimbra).

 

Em 2006 vence o Prémio Urbaverde/Vibeiras Jovem Arquitecto Paisagista.

 

De 2008 a 2017 integra o atelier PROAP Estudos e Projectos de Arquitectura Paisagista, onde colabora em diversos projectos, nacionais e internacionais, destacando-se: a Requalificação da margem da Lagoa das Furnas, em São Miguel, Açores; a ETAR de Alcântara, o Miradouro do Alto de Santa Catarina e a Ribeira das Naus, em Lisboa; a Frente de Mar, no Funchal e diversos parques e jardins em Portugal, Angola, Brasil, Itália e Suíça. Coordena a investigação sobre plantas, sistemas vegetais e irrigação sustentável, e a sua aplicação ao projecto.


Como profissional liberal tem focado a sua actividade no projecto de paisagem, parques e jardins, a par da prestação de assessoria e consultoria de manutenção, conservação e restauro.

Orienta cursos sobre concepção de jardins, jardins históricos e jardinagem, na Fundação de Serralves, Porto (2004-2007), e na Associação de Amigos do Jardim Botânico da Ajuda, Lisboa, cuja Direcção integra desde 2009, sendo co-responsável pela coordenação científica dos seus programas.

É sócio fundador da Associação Portuguesa de Jardins Históricos (2003) e membro da actual Direcção. 

É sócio da Associação Portuguesa de Arquitectos Paisagistas (2003), membro dos seus orgãos sociais desde 2013 e membro da actual Direcção. 

 

Sempre que tem tempo é jardineiro no seu jardim.

  • LinkedIn Social Icon